Quem sou eu

Minha foto

Me chamo Rogério Rocha. Sou maranhense da cidade de São Luís, mas na verdade me sinto um cidadão do mundo. Sou pós-graduado em Direito Constitucional (Universidade Anhanguera-Uniderp-LFG), pós-graduado em Ética (IESMA), Graduado em Filosofia e Direito (UFMA), mestrando em Criminologia na Universidade Fernando Pessoa (Porto/Portugal). Atualmente sou Servidor do Poder Judiciário do meu estado. Exerci a advocacia durante 6 anos de minha vida,atuando nas áreas de Direito Civil (Família), Direito do Trabalho e do Consumidor. Fui professor do CEFET- MA (atual IFMA) por 2 anos, período em que lecionei tanto para o ensino médio quanto para os alunos de áreas técnicas as disciplinas de Sociologia, Filosofia e Metodologia do Trabalho Científico. Escrevo poesias desde os 12 anos de idade. Homem livre e de bons costumes, amante da música, da arte, da história e de viagens. Obs.: Postgraduate in Constitutional Law (University Anhanguera-Uniderp-LFG), Postgraduate in Ethics (IESM), graduated in Philosophy and Law (College); Public Server at Judiciary Power, Teacher, Poet.

domingo, 15 de maio de 2011

Müller admite abalo com a fama e diz que "gastou muito dinheiro"



 . Foto: Getty Images
Muller não soube lidar com o sucesso quando jovemFoto: Getty Images
Morando de favor na casa do antigo companheiro de São Paulo, o ex-lateral direito Pavão, o ex-atacante Müller, 45 anos, avaliou os erros que causaram sua decadência financeira após carreira de 20 anos e concluiu que não estava preparado para tamanho sucesso. "Quando você é jovem, sempre gasta muito dinheiro, até desnecessariamente. Você não tem um preparado psicológico para fama e o sucesso, e acaba gastando muito dinheiro", afirmou, ao programaEsporte Fantástico, da TV Record.
Deslumbrado com o sucesso e com a fartura financeira, Müller não conseguiu se manter após a aposentadoria e, atualmente, tenta construir um cômodo no andar de cima da casa de Pavão para se alojar. Jogador de sucesso, não obteve êxito como dirigente e treinador. Atuou também como comentarista televisivo, e não descarta voltar a qualquer uma dessas funções. "Sempre priorizo o que vem primeiro. O futebol sempre foi meu meio de sobrevivência, então o que vier primeiro eu priorizo", afirmou o ex-craque.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Participe do nosso blog, comentando, sugerindo e deixando o seu recado.

Postagens populares

Total de visualizações de página

Páginas