Quem sou eu

Minha foto

Me chamo Rogério Rocha. Sou maranhense da cidade de São Luís, mas na verdade me sinto um cidadão do mundo. Sou pós-graduado em Direito Constitucional (Universidade Anhanguera-Uniderp-LFG), pós-graduado em Ética (IESMA), Graduado em Filosofia e Direito (UFMA), mestrando em Criminologia na Universidade Fernando Pessoa (Porto/Portugal). Atualmente sou Servidor do Poder Judiciário do meu estado. Exerci a advocacia durante 6 anos de minha vida,atuando nas áreas de Direito Civil (Família), Direito do Trabalho e do Consumidor. Fui professor do CEFET- MA (atual IFMA) por 2 anos, período em que lecionei tanto para o ensino médio quanto para os alunos de áreas técnicas as disciplinas de Sociologia, Filosofia e Metodologia do Trabalho Científico. Escrevo poesias desde os 12 anos de idade. Homem livre e de bons costumes, amante da música, da arte, da história e de viagens. Obs.: Postgraduate in Constitutional Law (University Anhanguera-Uniderp-LFG), Postgraduate in Ethics (IESM), graduated in Philosophy and Law (College); Public Server at Judiciary Power, Teacher, Poet.

domingo, 10 de julho de 2011

Lituânia leva título de Mundial sub 19 de basketball

Os adversários tiveram trabalho. Se empenharam para tentar marcar Jonas Valanciunas, o pivô da Lituânia bom nos rebotes e melhor ainda no ataque. Liderou as duas estatísticas e não foi à toa que acabou sendo escolhido o melhor jogador do torneio e integrante do quinteto ideal do Mundial sub-19 formado ainda por Aleksander Cvetkovic (Sérvia), Hugh Greenwood (Austrália), Dmitry Kulagin (Rússia) e Jeremy Lamb (EUA). Valanciunas teve mais motivos para comemorar. Neste domingo, em Riga, seus 36 pontos foram decisivos para ajudar a equipe a vencer a Sérvia e erguer o troféu: 85 a 67 (39 a 32).

A atuação do pivô e também de Vytenis Cizauskas no terceiro quarto foram um balde de água fria para os sérvios, que tinham chegado ao empate em 44 a 44. A dupla liderou uma sequência de 18 pontos contra apenas três dos rivais e selou o triunfo. Na campanha de nove partidas (só perdeu para a Croácia e os EUA ), a menor contribuição em pontos dada por Valanciunas foi contra o Canadá. Naquele confronto, ele anotou 15 pontos, mas também só esteve em quadra por 14 minutos. A média foi de 23 por jogo, além de 13,3 rebotes. 
O terceiro degrau do pódio ficou com a Rússia, depois de um confronto muito equilibrado com a Argentina:  77 a 72 (35 a 40). Os hermanos foram responsáveis pela eliminação do Brasil nas oitavas de final. A seleção teve de se contentar com a nona colocação. 
Fonte: Globo.com


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Participe do nosso blog, comentando, sugerindo e deixando o seu recado.

Postagens populares

Total de visualizações de página

Páginas