Quem sou eu

Minha foto

Me chamo Rogério Rocha. Sou maranhense da cidade de São Luís, mas na verdade me sinto um cidadão do mundo. Sou pós-graduado em Direito Constitucional (Universidade Anhanguera-Uniderp-LFG), pós-graduado em Ética (IESMA), Graduado em Filosofia e Direito (UFMA), mestrando em Criminologia na Universidade Fernando Pessoa (Porto/Portugal). Atualmente sou Servidor do Poder Judiciário do meu estado. Exerci a advocacia durante 6 anos de minha vida,atuando nas áreas de Direito Civil (Família), Direito do Trabalho e do Consumidor. Fui professor do CEFET- MA (atual IFMA) por 2 anos, período em que lecionei tanto para o ensino médio quanto para os alunos de áreas técnicas as disciplinas de Sociologia, Filosofia e Metodologia do Trabalho Científico. Escrevo poesias desde os 12 anos de idade. Homem livre e de bons costumes, amante da música, da arte, da história e de viagens. Obs.: Postgraduate in Constitutional Law (University Anhanguera-Uniderp-LFG), Postgraduate in Ethics (IESM), graduated in Philosophy and Law (College); Public Server at Judiciary Power, Teacher, Poet.

terça-feira, 31 de maio de 2011

Pensamento do dia

Alfred Einstein
Einstein

"Duas coisas são infinitas: o universo e a burrice humana. Mas a respeito do universo ainda tenho dúvidas " (Einstein) 

O QUE É MEDITAÇÃO?



                  "Quando você não está fazendo absolutamente nada - corporalmente, mentalmente, em qualquer nível - quando toda a atividade cessou e você simplesmente é, apenas sendo, isso é meditação. Você não pode fazê-la, você não pode praticá-la; você tem apenas que compreendê-la.

                    Sempre que você encontrar tempo para apenas ser, abandone todo o fazer. Pensar também é um fazer, concentração também é um fazer, contemplação também é um fazer. Mesmo que apenas por um único momento você fique sem nada fazer, simplesmente permanecendo no seu centro, totalmente relaxado - isso é meditação. E uma vez que você tenha descoberto o jeito, você pode permanecer nesse estado tanto tempo quanto quiser; por fim você poderá permanecer nesse estado durante as vinte e quatro horas do dia. 

                    Uma vez que você tenha se tornado consciente de como o seu ser pode permanecer sem perturbação, então, vagarosamente, você pode começar a fazer coisas, mantendo-se alerta para que o seu ser não se agite. Essa é a segunda parte da meditação - a primeira é aprender a simplesmente ser, e em seguida aprender pequenas ações como limpar o chão, tomar um banho, mas permanecendo centrado. Depois você poderá fazer coisas mais complicadas....

                    Assim, a meditação não é contra a ação. Não é que você tenha que escapar da vida. Ela simplesmente lhe ensina uma nova maneira de viver: você se torna o centro do ciclone.

                    A sua vida continua; continua de uma maneira muito mais intensa - com mais alegria, com mais clareza, mais visão, mais criatividade - todavia você está distanciado, é apenas um observador nas colinas, assistindo simplesmente o que está acontecendo ao seu redor. 

                    Você não é aquele que faz, você é o observador.

             Esse é todo o segredo da meditação: você se tornar o observador. O fazer continua em seu próprio nível, não há nenhum problema nisso: cortar madeira, tirar água do poço. Você pode fazer coisas pequenas e coisas grandes; só uma coisa não é permitida: o seu centramento não pode se perder.
                 Essa consciência, esse estado de observação deve permanecer absolutamente desanuviado, sem perturbação."
                                                                                                                                          OSHO

Projetos de Leis querem proibir concursos e vestibulares aos sábados


questão, prova, concurso público, concurso privado, concurso, aluno, escola
Alguns projetos de Lei que querem extinguir o sábado do calendário dos concursos públicos e instituir o domingo como dia propício para a realização das provas estão prontos para serem votados pelo Plenário da Câmara dos Deputados. O principal argumento dos parlamentares autores das preposições é que a prática vai contra o princípio constitucional de liberdade religiosa, já que muitas crenças consideram o sábado um dia sagrado.

É o que diz o Projeto de Lei 605/11, do deputado Weliton Prado (PT-MG), que pretende não apenas proibir a realização de concursos públicos, mas também de vestibulares aos sábados. O autor da proposta argumenta que o sábado é o principal dia de culto religioso de muitos brasileiros e que diversos candidatos têm recorrido à Justiça para tentar impugnar os editais e mudar o horário das provas.

Já o PL 8/07 proíbe a realização de provas dos certames entre o pôr-do-sol das sextas-feiras e o pôr-do-sol dos sábados. Para o autor, deputado Charles Lucena (PTB-PE), "o princípio da liberdade de crença religiosa, consagrado tanto na Constituição Federal quanto em cartas de direito internacional, não pode ser contrariado por atos administrativos que venham a forçar qualquer cidadão a abdicar de sua crença religiosa enquanto busca acesso a outro direito". Lucena lembrou que pessoas de várias religiões resguardam o sábado, entre elas judeus, adventistas e batistas.

Há ainda o PL 5/99, que determina o domingo como dia oficial de realização de provas de concursos. A proposta já foi inclusive analisada pelas comissões de Trabalho, Administração e Serviço Público (CTASP) e de Constituição e Justiça e de Cidadania (CCJC).

Fonte: CorreioWeb

Dario Conca recebe título de cidadão Carioca



Ralff Santos / Fluminense FC
O argentino mais carioca dos últimos anos pode, enfim, se dizer um verdadeiro cidadão da Cidade Maravilhosa. No início da noite desta segunda-feira, em uma cerimônia realizada na Câmara Municipal de Vereadores, na Cinelândia, o meio-campista do Fluminense, Dario Conca, recebeu a Medalha Pedro Ernesto e o título de Cidadão Honorário do Rio de Janeiro. 

Feliz e parecendo bastante emocionado, após ouvir os hinos de Brasil, Argentina e Fluminense, o normalmente tímido atleta tricolor agradeceu a homenagem: “Muito obrigado povo carioca, obrigado vereador, este é um dia bastante feliz, estou orgulhoso de ser homenageado por esta cidade fantástica. Estou longe de minha família, mas, hoje, sinto que fui verdadeiramente adotado por todos os cariocas, independentemente do time que torcem”.

Perguntado que característica do carioca ele acredita ter, Conca disparou: “A simpatia. Posso não parecer, mas eu sou uma pessoa simpática”, disse, para em seguida cair na gargalhada. 

Comenda máxima da cidade, a medalha, que foi criada em 1980 e homenageia o médico e ex-prefeito do Rio, Pedro Ernesto do Rego Baptista, é entregue pela Câmara de Vereadores àqueles que de alguma forma se destacam na sociedade. Para receber a condecoração é necessário que o escolhido tenha seu nome apresentado através de um requerimento e aprovado em votação realizada no plenário da casa. 

Fonte: Superesportes.com.br

segunda-feira, 30 de maio de 2011

Meditando com OSHO


aaaaaaaauuuuuuuuuuuuuuuuuummmmmmmmmmmmm...
Osho

Você tem de ficar consciente do seu corpo e do que está fazendo com ele...
Um dia Buda estava em meio a uma das preleções que fazia todas as manhãs quando o rei chegou para ouvi-lo. Ele ficou sentado bem na frente do Buda, mexendo o tempo todo com o dedão do pé. Então o Buda parou de falar e olhou para o dedão do rei. Quando ele olhou para o dedão, o rei obviamente parou de mexê-lo. O Buda então voltou a falar e o rei recomeçou a mexer o dedão. O Buda então perguntou ao rei: — Por que está fazendo isso?

O rei disse: — Só quando você para de falar e olha para o meu dedão do pé é que eu me dou conta do que estou fazendo; se você não olhar, eu não percebo.

O Buda respondeu: — Esse é o seu dedão e você nem se dá conta dele... Quer dizer então que você pode até matar alguém e nem se dar conta disso!
É justamente por isso que as pessoas têm sido assassinadas sem que os assassinos sequer se deem conta disso. Nos tribunais, muitas vezes os acusados negam veementemente que tenham assassinado alguém. No início, o mais comum é que se pense que eles estejam simplesmente mentindo, mas depois descobre-se que não se trata disso; os acusados cometeram o crime numestado de profunda inconsciência.

Estavam tão furiosos, com tanta raiva no momento do crime, que foram tomados por essa fúria. E, quando você está furioso, seu corpo produz toxinas que contaminam o sangue. Quando está encolerizado, você é vítima de uma loucura temporária. E a pessoa acaba se esquecendo totalmente disso, porque estava totalmente inconsciente do que fazia.

E é assim que as pessoas se apaixonam, matam umas às outras, suicidam-se, fazem todo tipo de coisa.

O primeiro passo para ficar consciente é prestar atenção ao próprio corpo. Bem aos poucos, você começa a ficar atento a cada gesto, a cada movimento. E, à medida que fica consciente, um milagre começa a acontecer: muitas coisas que costumava fazer você simplesmente não faz mais. Seu corpo fica mais relaxado, começa a ficar mais sintonizado, uma paz profunda começa a invadir todo o seu corpo, uma música sutil pulsa dentro de você.

Então você começa a se dar conta dos seus pensamentos — o mesmo tem de ser feito com relação a eles. Os pensamentos são mais sutis que o corpo e, evidentemente, mais perigosos também. Quando se der conta dos seus pensamentos, você ficará surpreso com o que se passa dentro de você.

Se tomar nota de tudo o que está passando pela sua cabeça agora, você vai ficar muito surpreso. Não vai nem acreditar — "Estou pensando nisso tudo?". Experimente tomar nota de tudo por dez minutos. Feche as portas, tranque as portas e janelas para que ninguém possa entrar, e então seja absolutamente honesto — e vá acendendo logo o fogo para que possa queimar esse papel! — assim ninguém mais ficará sabendo o que você pensa.

Mas seja bem honesto; escreva tudo o que passar pela cabeça. Não interprete nada, não mude nada, não comece a pôr nada em ordem. Simplesmente coloque os pensamentos no papel da forma como eles vierem, sem mudar uma palavra.

E, depois de dez minutos, leia o que escreveu — você verá que existe uma mente insana aí dentro! Você não se dá conta de toda essa loucura que passa continuamente pela sua mente como uma corrente subterrânea. Essa loucura afeta tudo o que é importante na sua vida. Ela afeta qualquer coisa que você faça; afeta qualquer coisa que deixe de fazer, afeta tudo. E a soma total disso tudo vai ser a sua vida!

Portanto, esse louco precisa mudar. E o milagre da consciência consiste no fato de que você não precisa fazer nada a não ser tomar consciência. O próprio fenômeno de observar esse louco vai fazer com que ele mude. Muito lentamente, esse louco dentro de você desaparece.

Bem devagar, os pensamentos começam a seguir um certo padrão: esse caos deixa de ser um caos e torna-se mais um cosmo. E, então, mais uma vez prevalece uma profunda paz. E, quando o seu corpo e a sua mente estiverem em paz, você verá que eles também entram em sintonia; surge uma ponte. Agora eles não correm mais em direções opostas, não cavalgam cada um no seu cavalo.

Pela primeira vez na vida, existe um acordo, e esse acordo é extremamente útil para que se dê o terceiro passo, ou seja, tomar consciência dos sentimentos, das emoções e dos estados de ânimo. Essa é a camada mais sutil e mais difícil, mas, se você conseguir tomar consciência dos seus pensamentos, só faltará mais um passo.

É preciso uma consciência um pouco maior quando você começa a refletir sobre seus estados de ânimo, suas emoções, seus sentimentos.

Assim que você estiver consciente de todos os três, eles se unirão, formando um só fenômeno. E, quando se tornarem uma coisa só, atuando juntos com perfeição, no mesmo ritmo, você conseguirá sentir a música de todos os três — elas virarão uma orquestra —, fazendo com quesurja um quarto elemento, que não depende da sua vontade; ele surge espontaneamente, é uma dádiva do todo. Uma recompensa para todos que chegam até aqui.

Esse quarto elemento é a consciência definitiva que faz de você uma pessoa desperta. Fica-se consciente da própria consciência — esse é o quarto elemento. Isso é o que faz de alguém um buda, um ser desperto. E é somente com esse despertar que a pessoa vem a saber o que é bem-aventurança.

O corpo conhece o prazer, a mente conhece a felicidade, o coração conhece a alegria, o quarto-elemento conhece a bem-aventurança. A bem-aventurança é o objetivo, e a consciência é o caminho que leva até ela.

Osho, em "Consciência: A Chave Para Viver em Equilíbrio"

Em São Paulo, homem defeca em processo e é condenado a tratamento ambulatorial por tempo indeterminado



A pena por inutilização de documentos público, imposta a Romildo Segundo Chiachini Fillho, por ter defecado nos autos, deve ser mantida. Ele será submetido a tratamento ambulatorial por tempo indeterminado. A decisão é do Tribunal de Justiça de São Paulo, que negou recurso e manteve entendimento de primeira instância. O curioso nesse caso foi a maneira como o réu danificou os autos. Ele defecou no processo.
A 5ª Vara Criminal da Comarca de Jaú, em São Paulo, mandou o acusado cumprir pena por suposta prática de guarda de arma de fogo sem autorização legal, no interior de sua residência. Um acordo foi feito. Foi proposto que o réu tivesse suspensão condicional de seu processo, com a condição de comparecer todo mês ao cartório. O que foi cumprido assiduamente. Na última vez em que deveria comparecer ao local, para finalmente se ver livre do compromisso perante à Justiça, o réu reagiu de maneira inusitada.
Pediu a um funcionário os autos do controle de frequência, para assiná-los, como sempre fazia. Foi então que, intempestivamente, ordenou que todos se afastassem. Abaixou-se em frente ao balcão de atendimento. Desceu as suas calças e defecou sobre referidos autos, inutilizando-os parcialmente. Não satisfeito, passou a exibir o feito a todos os presentes, enquanto dizia que iria arremessar sua obra contra o juiz e o promotor de Justiça que atuaram no processo. O gran finale foi impedido pelos funcionários do fórum. O réu foi autuado em flagrante delito.
Ao receber a denúncia, o juiz entendeu ser um caso de insanidade mental. Foram feitas duas perícias técnicas. A primeira concluiu por sua semi-imputabilidade e outra pela inimputabilidade total. O réu foi diagnosticado portador de "esquizofrenia paranóide", ou "transtorno esquizotipico".
O acusado se defendeu alegando que o ato fora motivado por um sentimento de protesto. Ele disse que estava indignado com o tratamento que estava recebendo do Poder Judiciário e por acreditar que só assim seria "ouvido e respeitado".
O argumento não convenceu o juiz, que considerou esse meio de protesto inaceitável. "Agiu, sim, com a clara intenção de demonstrar seu inconformismo com a situação suportada, mas se manifestou de forma errada, antijurídica, e sabedor das consequências que poderiam advir de seu ilícito proceder", disse o juiz.
O relator do caso no Tribunal de Justiça de São Paulo, desembargador Péricles Piza, manteve a decisão de primeira instância. Assim como o juiz, entendeu que é evidente que a atitude do apelado estava comprometido pela patologia psíquica constatada pelo incidente de sanidade mental. O fundamento da decisão é o artigo 98, do Código Penal, por incurso no artigo 337, do Código Penal.
Fonte: Consultor Jurídico

Uma assessoria divina


São Tiago



Durante sessão da 2ª Turma do Superior Tribunal de Justiça, no ano de 2008, o ministro Herman Benjamin pediu ao desembargador convocado Carlos Mathias, já aposentado, que explicasse a base de sua decisão. Para Benjamin, o fundamento não estava claro.
Católico praticante, Carlos Mathias justificou — O fundamento da minha decisão é bíblico.
Herman Benjamin — Como ministro? Eu não estou entendendo! Seu fundamento é bíblico?
Carlos Mathias — Isso mesmo. Indeferi o recurso com base na Bíblia.
Benjamin — E o quê ela diz a respeito de indeferimento em sede preliminar de uma petição?
Mathias — A Epístola de Tiago nos ensina que muitas vezes pedimos e não recebemos porque pedimos mal. Basta ler o capítulo 4, versículo 3, que consta: “Pedis e não recebeis porque pedis mal, para o gastardes em vossos prazeres”. Foi com base nisso que decidi. Vossa Excelência discorda?
Benjamin — Eu pensei que o voto tivesse sido exclusivamente seu, mas levando em consideração que foi São Tiago que lhe assessorou, não tenho condições de contrariá-lo. Retiro o destaque e voto com o relator.

Fonte: Consultor Jurídico

sábado, 28 de maio de 2011

Terra Prima - Time to Fly - abertura show Iron Maiden.MPG

Barcelona impõe superioridade e vence a Champions 2010/2011

Jogadores do Barcelona posam para foto junto com a taça de campeão
Os campeões em momento de grande alegria
Ganhador da Champions 2010/2011, novamente contra o mesmo United que derrotou em 2009, o FC Barcelona consagra seu belo futebol em mais uma conquista incontestável, coroando o grande trabalho realizado até aqui pela equipe e por seu competente treinador, ao bater o Manchester United por 3x1, em Londres.
UEFA Champions League: Pep Guardiola
Guardiola: feliz pela missão cumprida

Apesar do grande adversário que enfrentou, o Barça não deu nenhuma chance para a equipe inglesa no jogo de hoje. Prevaleceu o tradicional estilo de jogo da equipe catalã, com seu toque de bola envolvente, sua persistente busca pelo gol e a categoria do elenco de astros do futebol mundial. 
messi barcelona gol manchester united liga dos campeões (Foto: agência Reuters)
Messi comemora o segundo gol da partida

Brasileiro Daniel Alves celebra com a taça nas mãos
Daniel Alves levanta a taça: comemoração brasileira

Com gols de Pedro, Messi e David Villa, o Barcelona conquista seu 4º título da Champions, colocando a Espanha como o país com maior número de vitórias da liga europeia. São 13 títulos, sendo 9 do Real Madrid e 4 da equipe da catalunha, superando os italianos, com 12 títulos, e os ingleses, com suas 11 conquistas

Parabéns, Barça!!
Time do Barça se junta para foto antes da grande decisão
Na foto o time campeão da Champions 2010/2011



















El ganador de la Champions 2010/2011, de nuevo contra el mismo United que derrotó en 2009, el FC Barcelona dedica su fútbol bonito en más un logro innegable, que corona el gran labor realizado hasta ahora por el equipo y por su entrenador, al derrotar a Manchester United por 3-1.

A pesar de lo gran adversario que enfrentó, el Barça no dio oportunidad para los ingleses en el juego de hoyPrevaleció el tradicional estilo de juego de equipo catalán, con su toque de la pelota, su persistente búsqueda del gol y su elenco de estrellas del fútbol mundial.

Con los goles de Pedro, Messi e David Villa, el FC Barcelona gana su cuarto título de Champions, convirtiendo a España en el país con el mayor número de victorias de la liga europea. Hay 13títulos, nueve de Real Madrid y el cuarto equipo de Cataluñasuperando a los italianos, con 12 títulos, y los británicos, con sus11 victorias.

Felicitaciones, Barça!

sexta-feira, 27 de maio de 2011

Aplica-se a Lei 12.403 (Prisão e Medidas Cautelares) durante a “vacatio legis”?



Fonte: Blog do IPC LFG

O primeiro rap




Nos anos 80, um estilo musical popularizou-se ao redor do mundo. 


Essa forma peculiar de cantar, uma fala ritmada e com rimas ficou conhecida como rap, sigla de Rhythm and Poetry (ritmo e poesia). A música que deu o tiro de largada para o sucesso mundial do ritmo foi Rappers Delight do grupo americano Sugarhill Gang. Da década de 80 para cá, quase todo mundo aponta para a segunda metade dos anos 70 como o ponto de partida do rap. Uns dizem que veio da Jamaica através do DJ Kool Herc. Outros atribuem aos locutores de radio e djs da época.

Na verdade, o rap mais antigo que foi registrado em vinil data de 1967. Pigmeat Markham, o veterano artista de valdeville e ex integrante do grupo da dama do blues Bessie Smith, gravou em vinil uma música chamada "Here Comes The Judge". Essa música nada mais é que um rap com linguagem chula, sobre um arranjo extremamente funky para a época.

Pigmeat Markham
Pigmeat Markham nasceu em 18 de abril de 1904 em Durham, na Carolina do Norte, nos Estados Unidos.. Era cantor, dançarino, comediante, ator e compositor. Seu nome de batismo era Dewey Markham. Iniciou sua carreira como artista itinerante, participando de shows de valdeville e burlescos.

No início da década de 1950, Pigmeat começou a ter participações esporádicas em programas de TV, culminando em diversas colaborações ao programa de Ed Sullivan.

Mas sua fama veio mesmo através do ator e cantor negro Sammy Davis Junior que convidou-o a participar de um de seus shows.

Devido ao sucesso dessa participação, Pigmeat assinou contrato para diversos shows e discos, tornando-se um ícone cultural ao divulgar a cultura musical negra do começo do século 20. Pigmeat Markham faleceu em 13 de dezembro de 1981.
Ouça um trecho do primeiro rap que se tem notícia, gravado em 1967: Pigmeat Markham - Here Comes The Judge. 
In the '80s, a musical style became popular around the world.

This peculiar form of singing, a rhythmic and rhyming speech became known as rap, which stands for Rhythm and Poetry (rhythm and poetry). The song that gave thestarting gun for the worldwide success of the rhythm was Rappers Delight SugarhillGang American group. Of the 80 or so, almost everyone points to the second half of the 70 as the starting point of rap. Some say it came from Jamaica by DJ Kool Herc.Others attribute the radio announcers and DJs of the time.

In fact, the earliest rap that was recorded on vinyl date of 1967. Pigmeat Markham, the veteran artist valdeville and former member of the group's blues queen BessieSmith, recorded on vinyl a song called "Here Comes The Judge". This song is nothing more than a rap with foul language on a very funky arrangement for the time.

Pigmeat Markham was born on April 18, 1904 in Durham, North Carolina, USA ..Singer, dancer, comedian, actor and composer. His baptismal name was DeweyMarkham. He began his career as a touring artist, participating in shows andburlesque valdeville.

In the early 1950s, got into Pigmeat sporadic participations in TV programs, culminating in several contributions to the Ed Sullivan show.

But his fame came right through the black actor and singer Sammy Davis Junior whoinvited him to participate in one of his shows.

Due to the success of this participation, Pigmeat signed up for several concerts andalbums, became a cultural icon in spreading the culture of black music from the beginning of the 20th century. Pigmeat Markham died on December 13, 1981.
Listen to an excerpt of the first rap ever heard, recorded in 1967: Pigmeat Markham - Here Comes The Judge. (link above)



En los años 80, un estilo musical se hizo popular en todo el mundo.

Esta peculiar forma de cantar, una voz rítmica y la rima se hizo conocido como el rapque es sinónimo de ritmo y poesía (ritmo y poesía). La canción que dio el pistoletazo de salida para el éxito en todo el mundo en el ritmo fue Rappers Delight del grupo Sugarhill Gang estadounidense. De los 80 o así, casi todos los puntos de la segunda mitad de los 70 como punto de partida del rap. Algunos dicen que vino de Jamaicapor DJ Kool Herc. Otros atribuyen los locutores de radio y DJs de la época.

De hecho, el primer rap que se ha registrado en la fecha de vinilo de 1967. Pigmeat Markham, el valdeville veterano artista y ex miembro  del grupo 
de la dama del blues, Bessie Smith, grabado en vinilo una canción llamada "Aquí viene el juez"Esta canción no es más que un rap con el lenguaje falta sobre un arreglo muy en boga para la época.

Pigmeat Markham nació el 18 de abril de 1904 en Durham, Carolina del Norte, EE.UU. .. Cantante, bailarino, comediante, actor y compositor. Su nombre debautismo fue Dewey Markham. Comenzó su carrera como artista de giras, participando en espectáculos y valdeville burlesco.

En la década de 1950, entró Pigmeat en participaciones esporádicas en programas de televisión, que culminó con varias contribuciones al programa de Ed Sullivan.

Pero su fama vino a la derecha a través del actor y cantante negro Sammy Davis Junior, que lo invitó a participar en uno de sus espectáculos.

Debido al éxito de esta participación, la carne de porcino registrado en varios conciertos y discos, se convirtió en un icono cultural en la difusión de la cultura de la música negro desde el principio del siglo 20. Pigmeat Markham murió el 13 de diciembre de 1981.

Escuche un extracto del primer rap escuchado alguna vez, grabado en 1967: Pigmeat Markham - Aquí viene el juez. (enlace de arriba)

Postagens populares

Total de visualizações de página

Páginas